Você deve começar um blog em 2015?

2015 chegou e o mundo da informação online não para, muitos de novos blogueiros devem aparecer neste novo ano, e alguns não sabem o que fazer, como começar neste novo ramo.

Mas você tem a total certeza de que quer criar um blog em 2015? EU acho que você deve refletir sobre esses pontos antes de tomar uma decisão, e este artigo foi criado especialmente para lhe orientar sobre o que você deve e o que não deve seguir para de fato a criar um blog.

Page Rank não é o mais importante!


Antigamente quase 90% das pessoas que criava um blog o objetivo era sempre ter uma pagerank superior a 2, isso passava credibilidade para nosso site sem falar que o Google priorizava ele nos mecanismo de pesquisa. Se você está pensando o mesmo, você pode está um pouco enganado no final. Hoje em dia isso está ficando de lado e damos prioridades a outros fatores que também ajuda nosso blog a ficar bem posicionado no Google e ter uma boa reputação. O Google possivelmente pode até repensar sobre um PR alta, mas  as chances de isso acontecer é extremamente baixa.

Links úteis

Se você quer começar um blog pensando em ter uma page rank alta, você deve repensar sobre isso agora.


Adsense é cruel
Outra opção para começar um blog é rentabiliza-lo com o Google Adsense, isso pode ser útil e o Adsense é uma máquina de fazer dinheiro há muitos anos e vem ajudando muitas pessoas nos dias de hoje. Mas cria-lo um blog e ser aprovado no programa de afiliados do Google não vem sendo uma tarefa fácil.

Links úteis:


Mas porquê? Isso porque o Adsense mudou suas políticas e tornou mais rigorosas suas aprovações para blogs recém criados e, a menos que seu blog receba uma quantidade insana de tráfego, você não ganhará nada com Adsense se não for aprovado. Então, antes de você criar uma blog já pensando em rentabiliza-lo, você deve se atentar a esses pontos importantes.

A escolha do nicho certo

Antes de mais nada, o que você sobre seu blog? Você precisa criar uma blog em um nicho que você tenha total domínio ou que tenha uma grande paixão. Não crie um blog em um domínio rentável (aqueles que dão muitos dinheiros) se você não souber nada do assunto, vai ser trágico pra você, pois pra poder ganhar uma renda através desses blogs de nicho altamente lucrativos é necessário que você crie conteúdos totalmente originais, aliás, criar conteúdo original é primordial independente de qual nicho seu blog esteja.

E competir com esses nichos altamente lucrativos você precisa dá um toque de diferencial, seja no domínio, no template (exclusivo) uma postagem persuasiva e etc.. Ter os dom de chamar a atenção de seus leitores será muito importante, pois a disputa será acirrada e você precisa ser diferente.

Então se você não soube em qual nicho criar seu blog no próximo ano, você estará totalmente perdido e sem direção. Nichos rentáveis nem sempre são uma boa opção, para se criar um blog. Faça uma pesquisa em qual escolher e escolha aquele que você achar mais importante. Aquele que você terá a total certeza de que irá dá tudo certo.

Blogger ou Wordpress?

Primeira, antes de mais nada saiba que a plataforma não é o fator mais importante para você criar seu blog, porém as duas são totalmente diferentes em vários fatores, e isso pode ser o diferencial na hora de criar seu blog.

O Informação Blogger está orgulhosamente hospedado no Blogger, e como podem ver, o blog é bem estruturado, um bom layout,conteúdo de qualidade etc, porque eu disse isso? Pra você saber que se você tiver um blog, com um layout bem organizado, escreve conteúdos totalmente originais e de qualidade, a plataforma nem terá importância.

Este tópico não irá falar entre as diferenças das duas plataformas, quais recursos as mesmas oferecem ou qual a melhor para se criar um blog, mas sim uma resenha da decisão que irá tomar no futuro!

Se você quer criar um blog altamente profissional a Wordpress é a mais indicada, um blog pessoal, pra hobby, aconselhamentos a Blogger. Mas é possível criar um blog profissional no Blogger, dá até pra ganhar dinheiro se você souber fazer, tudo depende de seu dono.

Conclusão

É isso aí pessoal, mais um ano está começando e novos desafios, metas e conquistas estão por vim no mundo digital. Novos blogueiros surgirão, e novos empreendedores digitais também. Antes de começar a criar um blog, crie-o por paixão, algo que você tenha total domínio. Não apenas crie pensando em ganhar dinheiro, pois isso não é uma tarefa fácil, e requer mutia dedicação.

Novo ReCAPTCHA nos comentários e compartilhamentos de sites e blogs

Foi lançada recentemente (17/12) uma novidade pela equipe de segurança do Google, mas precisamente para os comentários e compartilhamentos para blogs. Esse reCaptcha protege os blogs que você ama livrando-os de Spam e abuso. Então, quando você quiser dá uma voltinha, fazer umas comprar no shopping, você está deixando seu blog livre sem qualquer proteção sendo assim os robôs e scripts podem invadir seu site a qualquer momento. E com o reCAPTCHA você poderá ficar tranquilo!

Já faz alguns tempos que o Google nos pede para digitar aquelas letras distorcidas em uma caixa parecida com esta:



E pra eles, acharam mais fácil pedir diretamente esta mensagem ao seus usuários. Eles implantaram uma nova API que simplifica radicalmente a experiência de reCAPTCHA e decidiram chamar de CAPTCHA e reCAPTCHA, e é isso o que aparece:


Links úteis:

  1. Proteja seu blog de hackers
  2. 6 Dicas fundamentais para garantir a segurança de seu blog
  3. Segurança de blogs e manter-se seguro na Internet

Os sites que utilizam essa nova API, um número significativos de usuários serão capazes de verificar com segurança e em vez de digitar aquelas letras distorcidas no CAPTCHA que são um pouco inconvenientes, esses usuários terão apenas que marcar com apenas um único clique pra confirmar que não é um robô!



reCAPTCHAS para dispositivos Móveis

Esta nova API também permite experimentar novos tipos de desafios que são mais fáceis para nós seres humanos de usar,  especialmente em dispositivos móveis. No exemplo abaixo, você verá um CAPTCHA na visão de um computador. Nesta versão da novidade, você será solicitado a selecionar todas as imagens que correspondem a pista. É muito mais fácil selecionar imagens de gatos ou perus do que digitar aquelas palavras distorcidas em seu telefone.

 

Adotando esta nova API em seu site

A medida que mais sites adotam esta nova API, mais pessoas vão ver esta reCAPTCHA. Site como Wordpress, SnapChat já estão adotando esta nova API e estão tendo ótimos resultados. Por exemplo na última semana, mais de 60% do tráfego Wordpress, encontrou rapidamente este reCAPTCHA. Para adotar este novo reCAPTCHA em seu site, visite o site oficial do Google clicando aqui : https://www.google.com/recaptcha

Os seres humanos, vamos continuar o nosso trabalho para manter a Internet segura e fácil de usar. Bots abusivos e scripts, isso só vai piorar, desculpe estamos (ainda) não arrependido.

PAS: A fórmula para escrever e-mails

Escrever artigos, posts e mesmo o conteúdo para o seu email é uma atividade que demanda tempo, atenção e criatividade. É preciso reter a atenção das pessoas, engajá-las e fazer com que cumpram o objetivo da sua ação. É uma tarefa difícil, que exige muito dos profissionais de marketing responsáveis pelas campanhas.

Com o crescimento do conceito de marketing de conteúdo, técnicas para escrever textos tem sido divulgadas, uma delas é o PAS – Problema, Agitação, Solução – uma tradução de Problem, Agitate, Solution. Essa fórmula já apareceu e é considerada uma das principais formas de pensar o conteúdo, seja descrição de produtos, textos para um website ou mesmo o texto do seu e-mail.


PAS

Problema: identifique um problema do seu público alvo e comece com ele. Pode ser na forma de uma pergunta ou uma suposição. Digamos que você está enviando uma campanha oferecendo um ebook sobre design responsivo, o problema do seu público pode ser que suas páginas não estão convertendo porque não são acessíveis em dispositivos móveis.


Está perdendo visitas no seu site por não ser responsivo?

Agitação: esse é o momento no qual você deve explorar o problema que propôs, explicando como as pessoas poderão aplicá-lo no seu contexto, de negócios ou pessoal. Continuando no exemplo do ebook sobre design responsivo, depois da pergunta você poderia incluir:


É inegável a importância que os dispositivos móveis possuem hoje em dia, e estar preparado para esse público é muito importante. A experiência de acessar uma página que não está adaptada para essas telas menores pode ser muito frustrante e você pode perder clientes e leads.

Solução: o terceiro passo dessa formula é propor uma solução. Depois de chamar a atenção para o problema, explicá-lo, mostrando como ele pode impactar na vida dos seus destinatários, é a hora de propor uma solução. 

Benefícios de usar a fórmula PAS

Usar a fórmula PAS para montar posts e artigos pode beneficiar seu dia a dia como produtor de conteúdo: é uma boa forma de poupar tempo e de organizar o dia a dia da produção de posts para redes sociais e emails promocionais, aumentando a sua eficiência. De acordo com o Copyblogger, dá à sua leitura “consistência, precisão e persuasão”.

Transportando essa fórmula para email marketing, pense em como aplicá-la considerando os elementos da sua mensagem. É possível pensar no problema como a sua linha de assunto, a agitação como o texto do email e a solução a parte que precede o seu call-to-action. Essa é só uma das aplicações possíveis, o importante é ter em mente que um email organizado pode ajudar suas métricas de abertura, cliques e conversão.

Que tal colocar essa fórmula em prática? Faça alguns testes, acompanhe a diferença com o tempo e compare os resultados. fonte

5 Blogs de sucesso e recomendo a Leitura

Um blog de comédia que entrevista candidatos a presidente, um de moda que modifica a pauta de revistas consagradas, um blog de política que vira notícia em pleno Congresso Nacional... É possível se tornar extremamente importante na colcha multifacetada da internet. O foco, a dedicação e a criatividade faz com que alguns endereços que iniciaram sua existência como uma diversão de jovens após a escola, se tornem fontes de renda, de reconhecimento em outras mídias e de relevância real na sociedade. 

Não apenas tratando de assuntos sérios, muito pelo contrário, os blogs de humor são os mais rentáveis e reconhecidos do Brasil, com repercussão internacional, inclusive. Encontrar o nicho certo no mercado é a chave mestra para aprender como ganhar dinheiro e respeitabilidade. Eis uma pequena lista, com 5 exemplos de sucesso e representatividade, atualmente.

Não Salvo

É impossível falar de blog de sucesso sem citar o maluco Maurício Cid. As entrevistas que realizou com candidatos a presidente, a sensacional campanha “Cala a boca, Galvão”, a recente trollada internacional sobre a Coreia do Norte e tantas outras gracinhas, divertem seus 12 milhões de fiéis
visitantes mensais.

Super Vaidosa

Considerado um dos 15 mais influentes blogs de moda do mundo, segundo a Signature 9, em 2013, o espaço ganhou repercussão nas redes sociais principalmente por causa dos videos. Com quase 300 tutorias sobre maquiagens, seu canal no youtube possui mais de 1 milhão de assinantes.

EscolaDinheiro

Blog sobre assuntos financeiros cujos textos viralizam na internet. Um assunto complicado é tratado de maneira simples, mas profunda. O autor, Paulo Faustino, tornou-se um mentor para muitos, com carreira de sucesso como palestrante.


Sempre Tops 


Um blog de variedades – entretenimento, noticias, etc – com quase 7 milhões de visitantes mensais. Possui 10 editores diferentes.

Perez Hilton

Um exemplo internacional de um fã que acabou se tornando também celebridade. O sucesso está na quantidade de postagens, nas notícias de bastidores do ShowBiz e, principalmente nas fofocas e furos sobre a vida dos famosos. Sucesso absoluto pra quem gosta do gênero.

6 Dicas Fundamentais para Garantir a Segurança do Seu Blog

A imensa maioria dos empreendedores que trabalha com marketing de afiliados utiliza-se de blogs para gerar conteúdo, atrair clientes de qualidade e melhorar os resultados das vendas. Justamente por serem ferramentas tão importantes, os blogs também são alvos constantes de ameaças. Vírus que danificam o funcionamento da máquina do host onde o blog está hospedado, hackers que roubam dados cadastrais e até invasores que desconfiguram ou apagam a página pelo simples prazer da invasão. Felizmente, há estratégias de prevenção para cada uma dessas situações.

O segredo é utilizar os instrumentos certos para manter a página segura sempre. Quer saber mais? Separamos uma lista com 6 dicas fundamentais para garantir a segurança do seu blog. Confira!


1. Contrate um Serviço de Hospedagem Confiável

Poucos empreendedores preocupam-se em verificar a confiabilidade do servidor de hospedagem do blog. Normalmente, o preço é o grande fator decisivo para a contratação. Essa, no entanto, pode ser uma cilada! Na hora de definir o host, faça uma pesquisa e verifique se o mesmo é seguro.

Para identificar se a empresa de hospedagem é confiável, verifique se a mesma oferece serviços como encriptação, que consiste na transformação de dados em cifras para protegê-los de acessos não autorizados, e certificado SSL (Secure Socket Layer), protocolo que fornece segurança de navegação.

Links úteis:



Informe-se também sobre a reputação do host. Procure saber se já houve ataques no passado e como os problemas foram enfrentados. Se possível, consulte pessoas que utilizam o servidor para saber se estão satisfeitas.
2. Evite o Usuário “admin”

Quando o empreendedor abre o blog, geralmente, define o usuário padrão “admin” para trabalhar. Esse login, no entanto, é inseguro justamente por ser tão popular. É muito importante usar um termo criativo para dificultar a ação de hackers e de robôs programados para fazer as chamadas invasões por força bruta — acessos não permitidos por meio da tentativa de senhas infinitas. O ideal é que o login seja de difícil adivinhação, portanto, também não é aconselhável que o blogueiro configure o próprio nome como administrador da página. No lugar de Pedro ou João, escolha palavras como “gerente” ou “redator”.
3. Escolha uma Senha Forte

Outra ação importante no combate às invasões é a escolha de uma senha forte. Ela é o principal bloqueio de acesso ao seu blog e merece especial atenção. Fuja de termos óbvios como sua data de nascimento, por exemplo. O ideal é que a senha seja formada por pelo menos oito caracteres compostos por números e letras (algumas delas em maiúsculo). Ela não deve conter palavras completas, especialmente o nome do usuário ou da marca. Sua senha ficará ainda mais forte se utilizar símbolos do teclado (* - @ - % - $).
4. Utilize um Plugin de Captcha

Você sabe o que é captcha? Essa é a sigla para o termo “Completely Automated Public Turing Test to Tell Computers and Humans Apart”, ou seja, trata-se de um plugin que diferencia computadores de humanos de forma automatizada. O plugin é uma importante barreira de acesso e deixará seu blog ainda mais seguro contra possíveis invasões. Ele evita a quebra de senhas por robôs e também combate a ação de spammers que usualmente deixam comentários indevidos na página.

O captcha garante que o internauta é um humano, por meio da apresentação de desafios a serem resolvidos. Na versão mais comum, o plugin mostra letras e números em formatos distorcidos para que o usuário digite em um campo ao lado. Há, no entanto, versões mais dinâmicas! No caso do Wordpress, você poderá escolher entre vários plugins diferentes, entre elas os captchas em formato de operação matemática e até mesmo de jogos rápidos.
5. Trabalhe com uma Conexão Segura

O empreendedor também deve garantir que a digitação do nome do usuário e da respectiva senha ocorra apenas quando houver uma navegação segura. Para isso, deve-se usar conexão em HTTPS. Essa medida evita a interceptação de informações transferidas entre o navegador do cliente e o blog. Na pior das hipóteses, se os dados forem capturados não poderão ser lidos ou utilizados, já que estarão criptografados.

Mas, afinal, como garantir a conexão HTTPS em seu blog? Para começar, você deve, necessariamente, ter o certificado SSL já instalado no host, cuja presença é indicada pela imagem de um pequeno cadeado no canto da barra de tarefas. Para aumentar ainda mais a segurança, você pode instalar o plugin Force HTTPS, que força esse tipo de conexão para manter o blog protegido o tempo todo.
6. Defina funções para os usuários

Se mais de uma pessoa utiliza a área administrativa do blog, é essencial que se crie um login específico para cada uma delas. É importante que apenas você, dono do blog, tenha total liberdade de navegação dentro da área restrita. O restante dos usuários deve ter funções bem definidas. Pode parecer uma medida drástica, mas é muito importante porque evita transtornos sérios!

Já imaginou se, acidentalmente, alguém altera as configurações da home e deixa o blog totalmente desordenado? Ou então, se após um desentendimento, um dos redatores resolve se vingar e publicar textos indevidos para manchar a imagem da página? São problemas que podem acontecer, então previna-se! Se seus colaboradores geram conteúdo, devem conseguir apenas fazer as publicações dos textos. Da mesma forma, o designer da página deve ter acesso apenas às configurações de layout. E assim por diante.

Estabeleça boas práticas de segurança!

Você quer garantir proteção? Então crie uma mentalidade de segurança! Entenda que as ferramentas listadas acima vão aumentar a blindagem do blog contra possíveis ameaças, mas devem ser aliadas a boas práticas que evitam transtornos também relacionados ao tema tratado nesse post. Entre elas, estão a instalação de um bom antivírus e o uso de máquinas seguras ao acessar o dashboard do blog. Também deve-se ter atenção ao clicar em links enviados por e-mail ou pelas redes sociais.

Outra questão essencial é o cuidado com o uso das senhas. Algumas pessoas utilizam a mesma senha (ou com pequenas variações) para variadas plataformas – incluindo e-mails, redes sociais e blogs. Isso aumenta a vulnerabilidade do empreendedor, que pode ter não apenas uma, mas várias contas invadidas. Portanto, nada de preguiça! Defina senhas diferentes para cada perfil e procure memorizá-las (nada de salvar no celular ou no computador)!

O blogueiro deve ainda providenciar backups do blog. Nenhuma ação é 100% segura na Internet. Por mais que se previna, o empreendedor sempre estará sujeito a invasões ou às ações dos spammers. Então é importante estar preparado para o caso de um possível ataque bem-sucedido, por meio da realização de cópias frequentes.

Passe a sensação de segurança ao seu cliente

Para terminar, tenha em mente que o blog deve ser um ambiente seguro tanto para o administrador quanto para os consumidores. Isso quer dizer que, ao proteger a página, você contará com uma série de outros benefícios. Se encontrar um ambiente seguro, livre de ameaças, o cliente terá a sensação de profissionalismo. Ele vai se sentir confortável para clicar nos links dos anúncios e efetuar as compras. Quem sai ganhando é você! O blog ganhará mais credibilidade, maior audiência e também melhores índices de vendas!

Gostou das dicas? Pronto para deixar seu blog à prova de ameaças? Deixe aqui seus comentários e revele quais estratégias pretende usar!